Ativos Botânicos parte 3 – Óleos e manteigas vegetais

Neste post eu continuo falando sobre os ativos botânicos, neste caso sobre os óleos e manteigas vegetais.

Óleos e manteigas vegetais são as gorduras retiradas das sementes, nozes e castanhas. São naturalmente ricos em ácidos graxos de cadeias monoinsaturadas e poliinsaturadas, ou seja, as gorduras boas! Além disso são riquíssimos em antioxidantes, vitaminas lipossolúveis, raramente causam alergias e podem ser utilizados a vontade \o/ (mesmo em peles oleosas e acnéicas, existem alguns óleos que podem ser usados).

Os óleos e manteigas vegetais são amplamente utilizados para fins alimentícios e também para fins cosméticos justamente por serem atóxicos. Alguns possuem odor e sabor fortes, alguns deles bem desagradáveis, outros deles muito agradáveis. Além disso, são extremamente benéficos para a saúde, sendo recomendado seu consumo no dia a dia, mas em porções moderadas pois como toda gordura, em excesso engorda 😦

Com relação aos óleos e manteigas vegetais eu só tenho elogios a fazer, tanto com relação a saúde, a alimentação como também com relação à beleza. Eu mesma tenho uma seleção bem variada deles em casa, para diversas finalidades além da culinária.

Como se beneficiar deles: os óleos e manteigas vegetais podem ser adicionados em condicionadores, máscaras capilares, cremes para a pele, para as unhas e até mesmo podem ser utilizados puros para tratamentos mais intensos de pele, tratamentos mais intensos para os cabelos (umectação), para combater ressecamento de cotovelos, joelhos e calcanhares, para eliminar rugas, para eliminar estrias, coadjuvantes no tratamento contra a celulite e acredite, para eliminar a acne (eu uso e aprovo). A seguir colocarei uma lista com os óleos e manteigas mais famosos, seus usos e tenho certeza que você vai se apaixonar por eles tanto quanto eu.

Óleo de Abacate
O óleo é anti-raquítico (em virtude da riqueza de vitaminas), emoliente, calmante e suavizante da pele. É considerado um óleo não secativo e, portanto, é usado para peles e cabelos secos e ressecados. O óleo de Abacate pode ser utilizado para fins alimentícios e é tão competitivo quanto o azeite de oliva, por ser rico em gorduras insaturadas e vitamina E. O óleo é rico em ácido oléico, palmítico, linoléico, palmitoléico, além de outros ácidos insaturados como o linolênico e araquídico. Possui ainda quantidades variáveis de materiais insaponificáveis consistindo de: Vitaminas A, B1, B2, C e D, aminoácidos, ácidos voláteis, esteróis (sitosterol, campesterol), hidrocarbonetos e lecitina.

Óleo de Alho
O óleo de alho tem efeito vasodilatador periférico, antihipertensivo, hipolipemiante (inibe a sínteses do colesterol e taxa de triglicéris), antiagregante plaquetário, hipoviscosizante (reduz a viscosidade plasmática); hipoglucemiante, bactericida, antifúngico, antiviral, amebicida, vermífugo. Na cosmética é recomendado para cabelos e pele oleosa, pois a presença natural de compostos sulfúricos do alho ajudam a regular a produção de óleo pela pele.

Óleo de Amêndoas Doces
O óleo de amêndoas doces é rico em proteínas de ácido oléico, excelente hidratante e emoliente, proporciona extraordinária maciez à pele seca protegendo os tecidos. É um excelente auxiliar no tratamento anti rugas, como óleo pós sol atuando como revitalizante, devolvendo a elasticidade da pele. Indicado também para peles sensíveis e delicadas de recém nascidos e idosos, devido à alta concentração de vitaminas A, B1, B2 e B6. É muito utilizado na prevenção de estrias em grávidas, podendo ser utilizado na hidratação diária da pele.

Óleo de Andiroba
O Óleo de Andiroba é excelente auxiliar no processo de regeneração da pele. Ajuda a prevenir celulite, artrite, reumatismo, contusões e problemas musculares. Bom para picadas de insetos, feridas, espinhas. Amacia e hidrata a pele, além de ser anti-séptico e aliviar dores. É utilizado como repelente e para combater piolhos.

Óleo de Argan
Óleo de Argan tem sido utilizado por séculos pelas mulheres por suas excepcionais propriedades cosméticas. Este óleo é obtido a partir da árvore de Argan, que cresce nos desertos do sudoeste de Marrocos. Sua forte característica antioxidante graças ao alto teor de vitamina E é perfeito para combater o envelhecimento e ressecamento da pele. Por seu conteúdo insaponificável, é perfeito para fortalecer as unhas. Bastante utilizado para o cuidado dos cabelo e unhas e na fabricação de sabonetes.

Óleo de Avelã
O óleo de avelã é extremamente conhecido pelas suas propriedades adstringentes. Estimula a circulação sanguínea e ajuda a tonificar e reafirmar a pele. Pode ser aplicado em todos os tipos de pele. Amaciante, emoliente, formador de filme oclusivo e lubrificante. Excelente tônico cerebral. O óleo é utilizado como tônico capilar de grande eficácia contra queda de cabelo.

Óleo de Calêndula
O Óleo de Calêndula tem ação emoliente, calmante, refrescante, suavizante, antiinflamatória, cicatrizante, analgésica, antialérgica e anti-séptica. Pode ser usado em casos de inflamações da pele, membrana e mucosa, queimaduras suaves, queimaduras de sol, escaras, avermelhamento de peles sensíveis e delicadas, tratamento de feridas purulentas de difícil cicatrização, na prevenção de assaduras de crianças, abscessos e impetigo. Auxilia na proteção contra radiação UVA-B. O Óleo de Calêndula é indicado em casos de fissura do mamilo devido a amamentação, não sendo prejudicial ao lactante.Pode ser utilizado localmente como reepitalizante e cicatrizante, devida à sua atividade no metabolismo das glucoproteínas, nucleoproteínas e também na formação do colágeno.O alto teor de ácidos graxos insaturados promove absorção cutânea rápida e completa.

Óleo de Camomila
Preventivo de rachaduras de peles sensíveis e secas. Adstringente, calmante, bom para feridas e males do couro cabeludo. Antiinflamatório da pele, nos casos de acne e queimaduras do sol.

Óleo de Castanha do Pará
O Óleo de Castanha do Pará é um excelente hidratante capaz de formar uma película protetora, impedindo a evaporação de água da pele, deixando-a suave e macia. A massagem com o Óleo de Castanha do Pará estimula a produção de elastina prevenindo o aparecimento de estrias e o envelhecimento precoce da pele. É rico em ácidos linoleico e linolênico, tocoferóis, campesterol, estigmaterol, minerais (Cálcio, Ferro, Zinco, Sódio, Potásio) e oligoelementos (Selênio). Na PELE: Reforçador da barreira lipídica da pele, anti-oxidante, anti-radicais livres, hidratante (diminui a perda de água transepidérmica). No CABELO: Agente de coesão das escamas cuticulares do fio de cabelo, melhorador do brilho, emoliente, lubrificante.

Óleo de Cenoura
O óleo de cenoura é emoliente e calmante tópico, o alto teor de ácido graxo insaturado, promove absorção cutânea rápida e completa. Os ácidos graxos poli-insaturados presentes neste óleo não impedem a oxigenação e execução natural da pele, condições essas que evitam a dilatação dos poros, a formação de cravos e acumulação de gorduras.

Óleo de Coco
Devido à sua ação bactericida, fungicida e imuno estimulante, o óleo de Côco tem sido usado com sucesso no tratamento de artrite, cândida, herpes, parasitas, aids, colite, colesterol, câncer, diabete, gastrite, gripe, problemas de pele, cabelo, do coração e muitos outros males. Rico em vitamina E (antioxidante natural). Como apresenta a mesma constituição da derme, o óleo de coco natural ajuda a limpar o cabelo sem agredi-lo, mantendo a sua hidratação natural. O óleo vegetal de coco hidrata e amacia o fio do cabelo, oferecendo grande variedade de elementos nutritivos, como magnésio, potássio, cálcio e ferro. Indicado no tratamento para reforçar a estrutura de cabelos desvitalizados.

Óleo de Copaíba
O óleo de copaíba é eficaz no tratamento de feridas, eczemas, psoríase, urticárias e acne. Atua também como anti-inflamatório. Pode ser utilizado para tratar afecções do couro cabeludo tais como caspa e seborréia, além de agir como doador de brilho. Copaíba também tem propriedades diuréticas, expectorantes, desinfetantes, e estimulantes. Antiinflamatório, espasmódico, anti-microbiano, protege a cor dos cabelos tingidos, emoliente e condicionador.

Óleo de Damasco
É rico em ácido olêico e linolêico. Tem propriedades regenerativas do tecido cutâneo, além de proporcionar macieza na pele.

Óleo de Eucalipto
Anti-séptico e cicatrizante de problemas de pele (acne, feridas, queimaduras, alergias,aftas e picadas de insetos).

Óleo de Gergelim
O óleo de gergelim é rico em vitaminas A, B e C, além de possuir alta concentração de cálcio, fósforo e ferro. O óleo é de gergelim contém sesamol que age como inibidor à oxidação além de agir como absorvedor de raios ultravioleta. Possui também ação emoliente e nutritiva que auxiliam na melhor absorção das vitaminas contidas neste óleo.

Óleo de Gérmem de Trigo
O Óleo de Germe de Trigo é rico em vitamina E, com propriedades antioxidantes, é um grande aliado no combate aos efeitos nocivos dos radicais livres na pele, retardando o envelhecimento e devolvendo a vitalidade. É altamente nutritivo, sendo indicado para peles com problemas tais como: eczemas, rachaduras, psoríase etc. Fortalece os vasos sanguineos evitando a ocorrência de varizes. Tem efeito equilibrante sobre o sistema reprodutivo feminino; nesse caso podendo ser usado em massagens circulares no ventre.

Óleo de Girassol
Rico em Ômega 6, o Óleo de Girassol é excelente para pele seca ou áspera. Hidrata e regenera os tecidos. Com alto teor de vitamina E, previne o envelhecimento e possui ação antioxidante. Ótimo deslizante em massagens formando uma camada protetora na pele. Pode ser usado em crianças e bebês com pele sensível para hidratar. Evita o ressecamento do cabelo e as pontas duplas,hidrata, amacia e dá brilho.

Óleo de Jojoba
O óleo de jojoba tem ação emoliente, umectante, cicatrizante, queratoplástica, repositora da oleosidade natural da pele. Doador de brilho aos cabelos, restaurador, estimulante do crescimento dos cabelos e no tratamento da caspa. Diminui o excesso de oleosidade do couro cabeludo, agindo como regulador das secreções glandulares. Excelente lubrificante e emoliente para peles secas, evita a evaporação da umidade da pele prevenindo o aparecimento de linhas finas e envelhecimento precoce. Indicado, também, no tratamento da acne, psoríase e queimaduras da pele.

Óleo de Macadâmia
Tem especial utilidade para os cabelos ressecados e sem brilho, lubrificando o fio, mantendo-o hidratado. Na pele promove a hidratação contínua evitando a formação de rugas e o envelhecimento precoce. Muito usado em cremes anti-aging. É facilmente absorvido pela pele e cabelos lubrificando e mantendo o teor hídrico cutâneo.

Óleo de Manga
Rico em vitamina: A, C, B1, B2, B5, contém fósforo, cálcio, ferro, gorduras e hidratos de carbono. Constituído de triglicerídeos que conferem emoliência intensiva às áreas mais ressecadas dos cabelos e pele. Amacia, suaviza, lubrifica e previne o ressecamento dos fios e hidratação intensa da pele.

Óleo de Maracujá
O óleo das sementes de maracujá é rico em Ácido Linoleico (acima de 70%), Oleico e Palmítico, sendo um componente de fase oleosa para produtos cosméticos com propriedades hidratante e reestruturante. Diferente da maioria dos óleos vegetais, o óleo das sementes de maracujá é um hidratante com toque seco, não-oleoso.

Óleo de Melaleuca (Tea Tree)
É um potente agente anti-séptico natural, não tóxico e não irritante para os tecidos, que tem sido largamente testado clinica e laboratorialmente. Óleo de Melaleuca é reconhecidamente um germicida potente, eficaz em inibir o crescimento de diversos tipos de microorganismos. Esse alto poder germicida, aliado ao fato de ser um produto natural, não irritante e não-tóxico tem feito do Óleo de Melaleuca uma excelente alternativa para os mais variados usos. O óleo de melaleuca proporciona à pele um aspecto juvenil. Ao penetrar profundamente, enriquece as células cutâneas com oxigênio e favorece a regeneração das regiões danificadas pelo efeito do sol, acne, fungos, patogênicos e outras agressões do meio ambiente. Ele apresenta uma extraordinária tolerância e não há problemas com seu uso.

Óleo de Nozes
O óleo de nozes possui ação antioxidante. Atua formando uma película protetora que impede o envelhecimento precoce da pele. Rico em vitaminas, ele proporciona intensa hidratação e nutrição, deixando a impressão de pele acetinada.

Óleo de Oliva
A Oliva possui vitaminas A, D, K e E, e é um poderoso antioxidante, o que faz com que ajude a retardar o envelhecimento da pele. A oliveira é uma árvore capaz de se auto-regenerar e auto-proteger: na antiguidade, por causa da resistência de seu tronco e folhas, a oliveira era símbolo de imortalidade. Por todas as suas propriedades, ele se revelou como uma estrela da cosmética. Suas aplicações na área da estética e beleza são inumeráveis: É anti-rugas, hidrata e suaviza a pele seca, é purificador, calmante, serve para amolecer as impurezas da pele e tornar mais fácil sua eliminação, melhora a elasticidade da pele, dá brilho aos cabelos e é perfeito para banhos relaxantes e massagens.

Óleo de Rícino
Rico em ácidos graxos e atua como um umidificante, absorvendo para si própria a umidade do ambiente. Retira as toxinas da pele e do couro cabeludo, nutre, hidrata e deixa o cabelo mais encorpado, estimulando o crescimento, ajuda a eliminar as pontas duplas e dá balanço. Ajuda a eliminar a acne, agindo como anti-inflamatório local.

Óleo de Rosa Mosqueta
O óleo da Rosa Mosqueta pode conter mais de 80% de ácidos graxos não-saturados, especialmente linolênico e linoleico, que penetram intensamente na pele, atingindo as células e ativando a renovação e regeneração celular. Além disso, também pode-se encontrar de 0,24 a 1,25% de Vitamina C, dependendo da época de colheita da planta, e Flavonóides. É considerado um excelente emoliente, capaz de hidratar e melhorar a elasticidade da pele, além de promover sua regeneração. Amplamente utilizado na indústria cosmética para atenuar rugas e linhas de expressão, hidratar a pele, prevenir o envelhecimento precoce e prevenir estrias.

Óleo de Semente de Uva
O Óleo de Semente de Uva é finíssimo e com alto poder de penetração na pele, é ideal para ser usado juntamente com óleos essenciais em massagens. É leve e quase sem odor. Tonificante e revitalizante da pele. Previne estrias devido à alta concentração de alfa tocoferol. Já os ácidos linolêico e palmítico são os responsáveis pela regeneração e manutenção do tecido cutâneo revitalizando-o. Pode ser usado diariamente como óleo pós banho, em massagens, e também na pele facial (mesmo em peles com acne).

Óleo de Semente de Tomate
O Óleo vegetal da semente de tomate é rico em licopeno (em média 3,31 mg/ 100 gramas de tomate) , vitaminas do complexo A, complexo B e minerais importantes, como: fósforo e potássio, além de ácido fólico, cálcio e frutose, com tantos componentes maravilhosos este óleo é um excelente coadjuvante na indústria cosmética na atualidade, o carotenoide licopeno atua na remoção de : manchas, rugas e flacidez. O carotenoide também protege a pele contra os efeitos danosos dos radicais livres. Possui estrutura semelhante à da vitamina A e à do betacaroteno, porém sem os efeitos adversos das formas de vitamina A.

Manteiga de Cacau
A manteiga de cacau é uma das gorduras mais estáveis, contendo antioxidantes naturais que evitam que ele se torne rançoso. É formada por cerca de 96,6% de triglicérides (são constituídos por uma molécula de glicerol unida a 3 ácidos gordos ou graxos). Sua composição graxa é Ácido Oléico (de 31 a 37%), Ácido Esteárico (de 32 a 37%), Ácido Palmítico (de 24 a 29%) e Ácido Linoleico (de 2 a 5%). Por conta desta composição tão rica em gorduras, a manteiga de cacau é extremamente nutritiva, emoliente e hidratante, sendo usada apenas para peles e cabelos extremamente secos, do contrário poderá causar excesso de oleosidade.

Manteiga de Cupuaçu
A manteiga de Cupuaçu possui alta capcidade de absorção de água, o que faz dele um produto capaz de auxiliar na estabilidade das emulsões. Ela é um emoliente que proporciona um toque agradável, maciez e suavidade à pele, possibilitando a recuperação da umidade e elasticidade natural da pele principalmente em peles secas e maltratadas.

Manteiga de Karité
É composta por uma mistura de ácidos graxos (Ácido Oleico: 40 a 55%; Ácido Esteárico: 35 a 45%; Ácido Palmítico: 3 a 7%; Ácido Linoleico: 3 a 8%) e por uma fração insaponificável composta por tocoferóis , triterpenos, esteróides e hidrocarbonetos, a MANTEIGA DE KARITÉ possui várias propriedades que a tornam um princípio ativo bastante interessante para uso cosmético: Rica em Ácido Cinâmico, a Manteiga de Karité atua como um filtro solar natural, auxiliando na proteção da pele e dos cabelos contra a radiação UV (Ela pode ser usada para potencializar o efeito de outros filtros); Por conter uma boa quantidade de Tocoferóis, a Manteiga de Karité tem propriedades antioxidantes; A Manteiga de Karité é um excelente emoliente, e tal como as gorduras vegetais, ela exerce uma ação protetora sobre a pele e os cabelos, prevenindo contra o ressecamento; Além dessas propriedades, a Manteiga de Karité melhora o aspecto e a consistência das emulsões, e proporciona um toque aveludado e uma agradável sensação de emoliência à pele.

Gostou? Agora é só escolher qual deles é o melhor pra você e se deliciar com os resultados. Eu já tenho meus queridinhos: Óleo de rícino para o rosto, óleo de coco para os cabelos e óleo de semente de uva para o corpo.

Beijinhos =)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s